Minha Marmita Tem

como começar a levar marmita

Como começar a levar marmita?

Outro dia, um casal de amigos nos procurou pois queriam começar a levar marmita.

Além de pegar algumas dicas, perguntaram como conseguimos nos planejar para levar comida para o trabalho de um jeito tão constante e organizado.

Eu fiquei super feliz em ser uma referência para eles, pois sei que, mesmo planejando e fazendo tudo certinho, tem vezes que simplesmente estamos cansados demais ou com preguiça de fazer comida e acabamos comendo fora.

É aquela história: em casa de ferreiro, o espeto é de pau!

Já contei neste post aqui como você pode planejar sua marmita, mas hoje quero aproveitar para dar mais algumas dicas práticas!

Como começar a levar marmita?

1. Aprenda o básico

Antes de tudo, aprenda a cozinhar o básico que você precisa para sobreviver! Sim, estou falando de arroz, feijão, carne e até salada.

Pode não ser gourmet, mas é tudo o que você precisa para conseguir começar a cozinhar sua própria comida!

 

2. Não invente demais

Não invente: faça o que é simples e você já gosta de comer, assim é mais fácil de começar.

Se você ficar imaginando pratos e cardápios mirabolantes demais, vai ter preguiça pois sabe que vai dar trabalho e vai desistir.

 

3. Avalie a sua rotina

Você só trabalha? Ou trabalha o dia inteiro e depois vai para a faculdade? Faz academia antes de ir para o estágio?

Avalie sua rotina e veja quantas refeições você precisa fazer fora de casa para poder calcular a quantidade de comida que terá que levar.

 

4. Varie!

Não cometa os mesmos erros que eu, não faça apenas 1 cardápio para comer a semana inteira. Garanto que na quarta-feira você já estará odiando levar marmita!

Faça pelo menos 2 cardápios para a semana. E digo mais: se você faz mais do que uma refeição fora de casa, elas precisam ser diferentes.

 

5. Preste atenção na quantidade

Os potinhos de marmita enganam muito! Você pode pensar que apenas 1 potinho de arroz é muito pouco, mas quando coloca tudo no prato para comer, percebe que virou uma montanha!

Fique atento para não levar comida demais e acabar jogando fora.

 

6. Não se esqueça dos lanchinhos

Os intervalos entre as refeições principais são importantes! Se você ainda está inseguro quanto a começar a levar marmita, capriche nos lanchinhos entre as refeições para ter um apoio extra.

Levar um bolinho ou uma salada de frutas é uma ótima opção!

 

7. Converse com quem já leva marmita

Muita gente leva marmita hoje em dia! Pode ser no seu trabalho, alguns amigos seus ou até mesmo um blog cheio de dicas 😉

O importante é conversar com quem já tem esse hábito e tirar todas as suas dúvidas.

Além disso, cada pessoa tem um jeito diferente de se planejar e você pode criar sua própria forma de organizar suas refeições fora de casa a partir da experiência de todas elas.

 

8. Crie seu próprio manual da marmita

Nada como reunir informações preciosas e ter um manual para seguir em caso de desespero, né? Para você começar a levar marmita sem medo, indico alguns posts importantes:

E aí, vai começar a levar marmita? Quero ver seus potinhos! Poste uma foto da sua marmita e coloque #minhamarmitatem

Comente o que achou!

comments