Minha Marmita Tem

perca o medo de cozinhar

Sobre perder o medo de cozinhar

Tem gente que ainda não cozinha em casa por diversos motivos. Pode ser porque onde a pessoa trabalha não tem lugar para esquentar nem para comer, ou que ela ganhe um vale-refeição alto o suficiente para não ter que se preocupar com gastos em restaurantes… Pode até ser por preguiça de ter que planejar as marmitas. Mas tem um monte de gente que ainda não cozinha por um único problema: o medo.

Eu já contei aqui que também tinha medo de cozinhar. E eu tinha medo sem saber! Quando ainda morava com meus pais eu fazia minhas marmitas, mas eram sempre a mesma coisa (arroz integral + carne picada + legumes refogados) e eu já estava conformada de comer sempre aquilo.

Quando me mudei para a casa do meu namorado é que eu percebi que eu não sabia cozinhar tanto assim e aí é que tive que me virar. Mas não pense que foi fácil ou que foi de uma hora para outra. O fato de eu estar em uma cozinha “estranha” (não eram as minhas panelas, os meus talheres nem os meus utensílios) somado à ideia de que eu tinha que impressioná-lo me dava muito medo de errar e de desapontá-lo. Então eu ficava meio travada.

perca o medo de cozinhar

Aos poucos fui me soltando e o que me ajudou MUITO foi acompanhar vários blogs de receitas e culinária, para testar as receitas e ver que SIM, eu conseguia cozinhar coisas gostosas também!

Com exceção da arte da confeitaria (que ainda não domino nadica de nada), cozinhar pratos salgados é muito mais fácil e intuitivo. Você prova, tempera, coloca mais ou menos farinha pra dar mais ou menos liga, você pega todos os restos da geladeira e transforma em um belo jantar!

Isso é culinária de guerrilha!

E para a culinária de guerrilha ter êxito, é preciso perder o medo! É preciso deixar de lado a exigência de fazer pratos maravilhosos e fotogênicos e com cara de gourmet. É aceitar que a melhor comida do mundo é a comida que você faz do seu jeito e com os seus ingredientes preferidos! Quer colocar cinco kilos de pimenta? Quer colocar um caminhão de alho? Quer colocar tanto queijo que a comida vai virar um bloco? Se é o que você AMA COMER, por que não???

Um programa culinário que já é antigo mas que só fui conhecer agora graças ao meu namorado é o Larica Total. Assisti a uns 6 epidódios e o cara já virou meu ídolo. Ele é debochado, é sujão, mete a mão na comida e não tem frescura pra nada! E o melhor de tudo: ensina a gente a fazer pratos com o que tiver na geladeira! Na conta do Canal Brasil no YouTube só tem um vídeo disponível, mas dá para ter uma ideia de como é:

Para quem se interessar, ~tá tendo~ Larica Total no Netflix (cadê minha assinatura vitalícia? hehe)!

Como diria Paulo Tiefenthaler: “Cozinhar não é difícil, é treino!” Então vamos perder o medo e treinar bastante? Claro que pode ter chances de no começo sair tudo terrível, e é por isso que existem as receitas, medidas e tempo de preparo, para servir como um guia para os totalmente perdidos. Mas depois, meu bem, é só felicidade, e é a parte mais legal de cozinhar: se tornar independente das receitas e inventar sua própria comida!

Vamos lá?

Comente o que achou!

comments