Minha Marmita Tem

o que é BPA

O que é BPA (ou Bisfenol A)?

Cada vez mais a gente vê produtos anunciando que são livres de BPA. Mas, afinal, o que é esse BPA, apelido para o Bisfenol A? De onde ele vem? Por que faz tão mal?

O QUE É?

O Bisfenol A é uma substância química usada na fabricação de plásticos, principalmente os mais resistentes à quebra. Por ser uma molécula instável, ele “migra” mais facilmente do objeto em que está para algo que esteja em contato com ele, numa espécie de contaminação. Aí é que está o problema!

ONDE ESTÁ?

Duvido você olhar ao seu redor e não encontrar pelo menos 5 objetos feitos de plástico! Pois é, o Bisfenol A está presente em:

  • Tintas;
  • Eletrodomésticos;
  • DVDs e computadores;
  • Pára-choques;
  • Armações e lentes de óculos;
  • Garrafinhas de água;
  • Revestimentos internos para alimentos enlatados e bebidas;
  • Mamadeiras;
  • Brinquedos;
  • Talheres e copos descartáveis;
  • Potinhos de plástico onde você leva sua marmita e em muitas outras coisas.

E DAÍ?

O assunto é bem polêmico, mas vários estudos foram feitos provando que o BPA confunde os receptores de células em nosso organismo e se comporta de um jeito próximo a um hormônio, desregulando todo o sistema endócrino. O que isso pode causar?

  • Mal funcionamento da tireóide;
  • Problemas neurológicos (memória, aprendizagem e humor);
  • Hiperatividade e déficit de atenção;
  • Câncer de mama e aumento da próstata;
  • Endometriose, Síndrome do Ovário Policístico e infertilidade;
  • Diabetes e obesidade;
  • E muitas outras consequências.

O consumo de BPA é pior ainda quando nosso sistema endócrino está se formando, por isso as crianças são as mais afetadas quando expostas. Tanto que, desde 2012, o Bisfenol A é proibido pela Anvisa em mamadeiras fabricadas no Brasil ou importadas.

Ele também já foi proibido em alguns países da União Europeia, alguns estados dos EUA, e no Canadá.

E AGORA?

O ideal é procurar por produtos que tenham claramente a indicação de que são livres de Bisfenol A, ou rótulos que contenham “BPA-free”. Além disso, você também pode:

  • Evitar esquentar sua comida no microondas diretamente no pote de plástico. Prefira transferir a comida para um prato e, então, esquentá-la;
  • Congelar sua comida em potes de plástico que sejam livres de BPA, pois a exposição à temperaturas frias também acelera a liberação de Bisfenol A;
  • Fazer uma limpeza no seu armário de potes: jogue fora tudo o que está velho, amarelado, riscado ou rachado;
  • Lavar os potes de plástico com detergente neutro e esponja macia, evitando palha de aço, água fervente e máquinas de lavar louça;
  • Evitar tomar café em copos de plástico (os descartáveis também devem ser evitados);
  • Não comprar recipientes de plástico que contenham os símbolos 3 e/ou 7 de reciclagem, pois esses podem conter BPA.

E aí, assustado? E com razão, né?

Comente o que achou!

comments